Festival Corpo Palavra

Alunos(as) da Oca durante a gravação do espetáculo De Repente para o Festiva Corpo Palavra realizado pelo MAM

Em 2021 estamos prometendo muita dança e poesia para não deixar que nada interrompa a nossa alegria. Nesta direção, a Oca Escola Cultural no mês de março compôs a programação do “Festival Corpo Palavra realizado pelo MAM”. De 06 ao 13 de março o MAM apresentou o projeto online Festival Corpo Palavra, que exibiu diferentes manifestações artísticas que têm em sua concepção e criação a intersecção entre o corpo e a palavra.

Todas as apresentações com duração de 20 a 90 minutos cada, foram exibidas na plataforma do Youtube, pelo canal do MAM.

Se você perdeu ou quer assistir novamente os espetáculos “De Repente” e o “Si Colomi” apresentados pela Oca, acesse os links a seguir:

De Repente: https://www.youtube.com/watch?v=V2lFDgUXv4g

Si Colomi: https://www.youtube.com/watch?v=1pTWM8bwxPc

Campanha Quarentena Solidária

Para encerrar o ano, um agradecimento especial à equipe Oca. Durante a pandemia, nos mobilizamos com a Campanha “Quarentena Solidária”, que beneficiou perto de 35.000 pessoas. Além das instituições parceiras e amigos, a equipe da Oca, seus familiares e membros da sociedade civil, doaram seu tempo para fazer acontecer esta campanha. Foram 8.774 famílias beneficiadas e 39.636 itens distribuídos, entre cestas básicas, cestas de café da manhã, cestas de orgânicos, kits de higiene, kits de proteção e roupas. Que em 2021 a cultura da doação alastre-se ainda mais pelo Brasil, a fim de que outros projetos como a Oca possam continuar realizando o seu trabalho e apoiando no desenvolvimento de comunidades.

21 anos do Ciclo Natalino

Diante dos diferentes ciclos de festas valorizados e difundidos pela Oca, fechamos o ano de 2020 com mais uma louvação ao Natal e aos Santos Reis do Oriente, desta vez de forma virtual, no dia 19 de dezembro.

Viva Ano Viva Reis
Viva Noite de Natal

Um momento de confraternização e encontros inspirados em duas tradições natalinas brasileiras, o Baile do Deus Menino, baseado na pesquisa de Lydia Hortélio e Lucilene Silva, além dos 21 anos da brincadeira do Cavalo-Marinho na comunidade da Aldeia de Carapicuíba, promovida pelo grupo Boizinho da Aldeia, formado por diferentes gerações da Oca e educadores, desde a primeira apresentação, Vera Cristina Athayde, Paulo Gonçalves, Kelly Silva, Natália Vasconcelos e Jorge Luciano da Silva. Do mesmo modo, uma homenagem especial ao mundo da rabeca e dos brincadores, entre eles; Edielson José de Souza (PE); Aguinaldo Roberto (PE); e por fim os rabequeiros; Murilo Silva (PE); Rafa da Rabeca (PE) e Alício Amaral(SP), que em edições anteriores sentaram no banco do Boizinho da Aldeia.

Enfim, memórias, atualizações, o mundo e o cotidiano virtual, que será compartilhado, buscando emanar paz, harmonia, justiça social e alegria como forma de resistir e corporificar os nossos e os vossos sonhos para o ano de 2021.

Veja como foi:

Obìnrin + Rumo aos 300 Tambores

O ano de 2020 é preenchido de significados para o Centro de Referência da Cultura Brasileira, um deles é o comemorativo de vinte anos do estudo, da prática e da difusão da música e da dança do Maracatu de baque virado na Oca. Essa paixão e multiplicidade de caminhos foram iniciados pelo mestre Moxé Ribeiro e sua companheira Badia, e que até hoje é zelado por pesquisadores-educadores, Blec Paulo, Fofão do frevo, Kelly Silva e Natália Vasconcelos, uma estrada de duas décadas, envolvendo crianças, adolescentes e adultos da comunidade da Aldeia de Carapicuíba. Além de interações com mestres de algumas nações de Maracatu de Pernambuco, mestre Afonso (in memorian), mestre Gilmar, mestre Toinho, Pai Nagô, Dona Raquel Trindade (in memorian) e grupos e coletivos de São Paulo. Da mesma maneira tem como pesquisa a indumentária e adereços presentes no universo da corte das Nações de Maracatu, assim, saberes e fazeres de matriz africana que compõem a formação dos jovens educadores da escola, através do Centro de formação de Jovens Educadores Brincantes.

Celebramos em uma linda festa virtual com a Oca Escola Cultural e o grupo Dagbá Ijó a Consciência Negra, no dia 21 de novembro, das 14h às 21h, no Canal do Youtube: Dagba Obinrin.

Veja como foi:

Dia de Doar 2020

Essa é a 4ª edição do Dia de Doar que conta com a participação da Oca. Em 2017 ultrapassamos a meta dos R$10.000,00 com 93 apoiadores, em 2018 ultrapassamos a meta dos R$20.000,00, com 165 apoiadores, em 2019 ultrapassamos a meta dos R$30.000,00 com 106 apoiadores, em 2020, como 20+20 = 40, vamos juntos ultrapassar a meta dos R$40.000,00. Você pode colaborar individualmente, ou mobilizar um grupo de pessoas para fazer uma arrecadação coletiva. Mobilize sua rede, convide parentes e amigos, parceiros, colaboradores, compartilhe, escolha a sua recompensa e ajude-nos a chegar lá!

Acesse: https://www.kickante.com.br/campanhas/rumos-40

Festival Internacional de Contadores de História Boca do Céu nas Nuvens

No dia 25 de setembro, a Oca Escola Cultural compôs a programação do “Boca do Céu nas Nuvens”, Encontro Internacional de Contadores de Histórias, que em 2020 está acontecendo no formato virtual.

Apresentação o espetáculo em vídeo: “Quarentena na Janela”, com histórias que retratam o olhar das crianças e adolescentes da Oca através das diversas janelas pelas quais temos visto o mundo nesse momento de tantos aprendizados.

A “Quarentena na Janela nasceu nas aulas virtuais de fotografia, quando os alunos começaram a compartilhar fotos feitas através de suas janelas. Esse compartilhar de imagens seguiu acontecendo durante a quarentena e através dele os alunos foram nos contando o que viam e sentiam: viam um mundo que ficou preso dentro de sua própria casa.

As janelas tornaram-se uma das poucas formas de olhar pra fora, de falar com o outro, de ver o mundo e as pessoas. Da janela alguns enxergaram o medo, outros o fim do mundo, a alegria de estar junto, a tristeza da solidão, o amanhecer, o anoitecer, o entardecer, o pôr do sol… O desejo do encontro gerou conversas nas janelas, onde cada um foi contando poeticamente a sua forma de olhar o mundo, de dentro.

Veja como foi:

São João da Oca

O São João aqui na Oca
É festa tradicional
Nada, nada impediu
De fazermos o arraial

Mandamos avisar a todos
Colocamos no jornal
E a festa deste ano
Foi um baile virtual

Não faltou nada na festa
Uma festa sem igual
Bolo, correio elegante
Forró e pipoca com sal.

Enfeites bem variados,
Cada um no seu quintal
Teve bolo preparado
Pro encontro do final.

Gratidão foi para os santos
Antonio, Pedro e João
Pela saúde e alimento
Neste ano de exceção.

Semana mundia do Brincar

Aqui na Oca brincar é coisa séria! Brincamos todos os dias, de segunda a sexta, continuaremos brincando e durante esse período de isolamento social incentivamos os alunos e pais que brinquem em casa e que brinquem juntos! Com ou sem isolamento, dia de brincar é todo dia!

Oca em Casa

Novos tempos pedem novas ideias!

A Oca Escola Cultural neste período de quarentena tem conversado muito com as famílias e alunos, buscando as melhores formas de permanecer perto, de atendê-los, compartilhar conteúdos, refletir sobre o momento e a oportunidade de aproveitá-lo das melhores formas e dar subsídio que garantam o bem-estar de todos.

Estamos usando algumas ferramentas, como grupo de WhatsApp, plataformas de conversação e tornamos o ambiente virtual a nossa casa momentânea para que em breve estejamos todos bem, saudáveis e juntos na nossa outra casa que é a Oca.

Obrigada pelo apoio desta rede querida, dos professores, equipes e voluntários que estão se mobilizando para fazer a Oca continuar acontecendo e seguindo em direção à Oca do Futuro, o que inclui uma Oca ainda mais conectada.

Oficina e Espetáculo Altissonante – Março 2020

No dia 06/03, a Oca Escola Cultural recebeu a artista circense Lu Menin, co-fundadora do Circo Zanni.

Os alunos tiveram uma aula especial sobre práticas circenses e a Oca se tornou palco para o espetáculo “Altissonante” que traz uma linguagem multifacetária do circo e nas inúmeras informações visuais, as inquietações da mulher moderna, com todas as batalhas diárias, os ideiais e as formas de lidar com essa necessidade de ser várias mulheres em uma só.

Veja como foi!

 

 

 

 

 

 

 

 

Fotos: Vera Cristina Athayde

Carnaval do Quiriri – Março 2020

No dia 01 de março festejamos o Carnaval do Quiriri.

Um momento de juntar os saberes da Oca Escola Cultural e da Comunidade do Quiriri em torno de muita música, dança, brincadeiras e um concurso de fantasias.

Nossos agradecimentos para a organização da Comunidade do Quiriri e ao apoio do Dr. Vong e da Prefeitura de Carapicuíba.

Veja como foi o dia:

 

 

Curso de Gestão Cultural SESC – Fevereiro 2020

No dia 15 de fevereiro, a Oca foi o espaço cultural escolhido para receber os alunos do Centro de Pesquisa e Formação do SESC SP. Os participantes tiveram a oportunidade de conhecer a Oca e a Aldeia de Carapicuíba.

Lucilene Silva apresentou como abordamos a metodologia do trabalho e gestão da Oca. Ade e Liu contaram sobre a parceria da Oca com o Mesa Brasil. Tivemos uma conversa com a educadora Peo fundadora da Casa Redonda Centro de Estudos, escola privada parceira e com a Neide Campos, coordenadora da Escola Pública parceira, Esmeralda Becker Freire de Carvalho.

No final da tarde, realizamos uma oficina com o tema Carnaval orientada pelos educadores Natália Vasconcelos, Paulo Gonçalves, Kelly Silva e Vera Cristina Athayde, em parceria com os monitores e alunos da Oca, interagindo com os alunos do curso numa vivência prática de dança, brincadeira e música, compartilhando a forma como acontece na Oca a construção artística através do diálogo entre as linguagens.